Springer Spaniel Inglês

O Springer Spaniel Inglês (também conhecido como oapenas Springer Spaniel) foi originalmente usado para jogar jogos de caça e falcões séculos atrás.

Foi nomeado por sua função primária que era para assustar a presa e fazer com que ela “saísse” do esconderijo.

Quando as armas foram inventadas, o Springer Spaniel Inglês foi transformado em um caçador de caça de montanha, que continua a ser o seu talento hoje.

É um cachorro amigável, ansioso para agradar e rápido para aprender cão, disposto a fazer o que é pedido sem ressentimento ou hesitação.

Esta raça é altamente ativa e requer exercício diário regular para evitar o tédio.

O Springer Spaniel Inglês foi reconhecido pelo American Kennel Club em 1910 como membro do Sporting Group.

Tudo Sobre o Springer Spaniel Inglês

História

O Springer Spaniel Inglês é considerada a raça mais antiga de Spaniels que existe, e isso gera muita controvérsia já que o nome Spaniel refere-se a cães desenvolvidos na Espanha (derivados do nome Spain) mas os peritos acreditam que esta variação tenha nascido na Inglaterra.

Foi criado com o objetivo de ser um cão de caça ao falcão (uma atividade bastante popular entre a nobreza na Idade Média) usando o método de assustar.

Este com o seu faro aguçado localizava a presa e fazia o falcão levantar voo para que o caçador disparasse e o cão ir buscar a presa para o caçador.

Com outras raças mais tarde irem assumindo o seu posto como cão de caça, e sendo o Cocker preferido como cão de companhia em vez do Springer Spaniel Inglês este nunca foi realmente popular nos tempos modernos.

Uma das suas maiores utilizações atualmente é farejamento de droga por parte da policia nos aeroportos, estações de trem, etc.. essencialmente devido ao seu faro aguçado e à sua aparência que não assusta as pessoas ou algo do género.

Leia Mais >  Direitos Universais dos Animais

Springer Spaniel Inglês temperamento

Temperamento

Uma caraterística que todos reparam é o seu olhar que parece sempre triste mas isso não reflete definitivamente o seu estado de espírito sendo que este cão é bastante ativo e brincalhão.

Ele é bastante inteligente, dócil e não costuma levantar qualquer problema com outros cães ou estranhos, sendo um cão muito sociável. Ele tem um grande apego pelo seu dono e gosta de agradar.

Uma curiosidade, ao contrario de a grande maioria dos cães, este quando anda devagar apoia-se com a perna de trás e da frente do mesmo lado simultaneamente.

Veja mais cães de raça de médio porte:

Adestramento Springer Spaniel Inglês

Os Springer Spaniels Ingleses são relativamente fáceis de treinar.

Eles são inteligentes e possuem um forte desejo de agradar, eles só têm um pouco de flta de atenção, o que pode ser frustrante.

Mantenha muitas guloseimas à disposição para motivação e esteja pronto para distribuir muitos elogios exuberantes.

Os Springers não respondem bem a uma disciplina severa e caso o faça eles vão acabar com você se começarem a desconfiar de você por isso então é melhor reforçar positivamente o bom comportamento e ignorar o que é ruim.

Springer Spaniel Inglês filhote

Saúde e Cuidados a Ter

Esta raça é um pouco carente e você não a deve deixar só em casa durante dias inteiros se possível e certamente não ser daqueles cães que ficam presos a um canto durante dias e dias.

Deve ter espaço para se exercicitar e gastar a sua energia ou você deve leva-lo a passear para que ele o possa fazer, evitando assim também o risco de obesidade.

Convém que o escove duas vezes por semana e que corte o seu pêlo uma vez por mês para que ele não cresça demasiado.

Leia Mais >  Cachorro Pode Comer Chocolate?

Ele também tem ocasionalmente outro problema chamado “Síndrome do Ódio” onde ele tem um “surto” e começa a ficar violento, até consigo já que ele deixa de o reconhecer. Caso veja alguma alteração no seu comportamento aconselhamos que o leve ao veterinário para o examinar.

Outros problemas comuns em cachorros desta raça são:

  • Infecções de ouvido;
  • Epilepsia;
  • Persistência do canal arterial;
  • Comunicação interventricular;
  • Hipersensibilidade alimentar;
  • Astenia cutânea;
  • Megaesôfago secundário;
  • Anemia hemolítica imunomediada;
  • Doença de depósito lisossomal;
  • Entrópio;
  • Plasmódio;
  • Ceratoconjuntivite;
  • Ceratite superficial crônica;
  • Ulceração refratária da córnea;
  • Distrofia corneana;
  • Glaucoma;
  • Catarata;
  • Etc…

Algo que qualquer dono pode fazer pelo seu cachorro (independentemente da raça) inclui:

  • Verificar as orelhas regularmente para sinais de acúmulo de cera, irritação ou infecção;
  • Limpar as orelhas com uma bola de algodão e um limpador veterinário aprovado;
  • Escovar os dentes semanalmente para evitar o acúmulo de tártaro, promover a saúde das gengivas e manter o mau hálito sob controle;

E então, já ficou a saber mais sobre o Springer Spaniel Inglês, o seu temperamento, história, saúde, cuidados a ter, etc…?

Deixe em baixo nos comentários qualquer dúvida ou sugestão com que tenha ficado após a leitura do artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *